Manual Digitado em português
   Manual_Legiomariae.doc
   Manual_Legiomariae.pdf
   Manual_Legiomariae.zip
   Manual_Legiomariae.htm

Este material foi publicado desde 07/09/2007, em homenagem ao 86º aniversário da Legião de Maria, foi anunciado no Santuário Nossa Senhora de Fátima, 906/7 Sul, Brasília-DF

Regra para publicações:

Este "Manual Legiomariae" estar no formato .doc, .pdf, .zip e .html, poderá ser baixado em qualquer computador.

Obs: Outros sites legionários poderão fazer a gentileza de adicionar o seguinte link: "www.legiomariae.com/manualdigitado.htm"

O grande objetivo deste "manual legiomariae digitado" é servir aos estudos por escrito que muitos legionários, seminaristas, mariólogos, diretores espirituais,etc queiram fazer em qualquer lugar que esteja, na sua casa, no seu trabalho, no seu escritório, na sua paróquia e em seu seminário. Mãos à obra, então legionários! Agora está mais fácil, ele está todo aí.

Agradecimento a Virgem Maria, aos legionários ativos e auxiliares de Brasília-DF, que contribuíram nesta digitação, neste projeto de evangelização. Salve Maria!

Questiónarios, estudos, críticas e sugestões enviar email para webmaster: olegariosol@legiomariae.com

BASES PARA O ESTUDO DO MANUAL

                                                   By Regia de Brasília

A Legião de Maria, na sua clássica elegância, possui volumoso Manual, sob a idéia, entre outras, de evitar muitas publicações.

Obtém o efetivo estudo do Manual, que, aliás, figura entre os principais deveres, porque realizado em toda reunião de Praesidium, na seguinte forma. Um ponto concreto do Manual é marcado para estudo individual durante a semana. Na reunião faz-se o estudo conjunto, durante uns poucos minutos. O Manual é também a base para a Leitura Espiritual, Allocutio e o Congresso, ano sim, ano não. Utilizado, pois, de várias maneiras.

Determina-se o dever do estudo nos seguintes termos. “Todo membro tem o rigoroso dever de estudar a fundo o Manual”. O item termina com estímulo a “um estudo exaustivo do Manual.” Maior ênfase difícil...

Interessa citar que o Fundador perguntado “Qual é a definição de um verdadeiro legionário?” deu como resposta: “Verdadeiro legionário é aquele que compreende os regulamentos e lhes obedece.” (Ver Frank Duff – Autobiografia, página 10, Senatus de Portugal, 1997). Não pretendeu valorizar demasiado os estudos. Mas fica nítido que a Legião tem sistema e disciplina muito bem definidos... no Manual. Há, portanto, que conhecê-los para vivê-los.

Óbvio que os legionários não são uns intelectuais, dados à leitura. Muito ao contrário. Entre nós a maioria é dos simples, de poucas letras. Suaviza e põe as coisas nos devidos lugares uma diretriz encontrada na página 347. “A primeira característica do estudo consiste, ... em realizá-lo mais como um ato de devoção do que como mero exercício intelectual.” Há, ainda, um item fundamental intitulado: Formação apostólica pelo método mestre e aprendiz. Formação, portanto, não só por leitura.

Por isso, a Legião não se restringe aos escolarizados e é acessível a qualquer um. Não somos associação presidida pelo Espírito Santo? Não é Nossa Senhora, Mãe da Sabedoria Encarnada? Firmados no único necessário, até o conhecimento intelectual se pode alcançar, quanto e na medida do necessário para santificação e apostolado.

No entanto, utilizemos os meios comuns adequados, com máxima eficiência. É o que propomos adiante, coerentes com a disciplina militar, pois a guerra se ganha também assim.

Na Regia de Brasília, alguns legionários estão interessados em vitalizar o Estudo do Manual. Está em andamento oferecer à Legião subsídios para o Estudo do Manual.

O ponto de partida é o Manual digitado, isto é, pôr ao alcance dos legionários, a íntegra do Manual, digitado em word, para uso no computador. A tarefa está concluída e resultará em inserir no arquivo do computador o Manual. Portanto, ninguém mais necessitará sequer digitar algum parágrafo do Manual quando fizer estudos por escrito. Basta acessar o arquivo “Manual digitado”, disponível a todo o Brasil legionário e outros países que falam português, no Site da Regia de Brasília:

 www.legiomariae.com/manualdigitado.htm

O segundo passo, a que estão chamados legionários e Praesidia voluntários, é a produção do “Questionário completo, perguntas e respostas” do Manual. A técnica do “questionário” é a mais comum e eficaz no estudo dos textos. Tarefa a ser cumprida na rotina do estudo semanal no Praesidium. Com a única diferença que feito por escrito e depois de revisão, preparado para ir à internet, no Site referido acima.

 O terceiro passo, dado ao mesmo tempo, do mesmo modo, é a seleção e organização das “Frases significativas do Manual”. É riquíssimo em frases, ditos, lemas, locuções, princípios, diretrizes... Ora, uma excelente forma de estudo e de possuir o seu conteúdo é colecionar tais frases. A organização das frases sob os temas mais importantes será o segundo momento da tarefa.

O quarto passo deste estudo exaustivo, como convida o mesmo Manual será, se Deus quiser, disponibilizar no Site e até, arquivo no computador, o “Índice dos Assuntos contendo o próprio texto”. Explicando. O Índice dos Assuntos, no Manual, trás os números das páginas onde se encontram os tais assuntos. No Site e no computador, que suportam muito conteúdo, iremos transcrever, não o número da página, mas os próprios textos.

Cabe um trabalho de vinculação dos temas legionários entre si. Em outras palavras, estudar no Manual como os vários temas são articulados. Por exemplo: Eucaristia, como devoção e como apostolado; Como se ligam Santificação, Apostolado e Verdadeira Devoção.

Isso é realmente fazer o estudo exaustivo em grupo, propiciando bases para outros tantos estudos subseqüentes. Vale a pena executar este trabalho. Afinal é um denso livro que merece tal atenção. Porque numerosíssimos legionários o estudam toda semana, ao longo de sua vida legionária. E não seja por falta de subsídios que tais estudos não sejam fáceis, ricos e frutuosos.

Há ainda toda uma seqüência de estudos a serem realizados. Por exemplo: agregar, tanto quanto possível, a cada ponto do Manual o texto bíblico que couber. Idem dos autores clássicos da Igreja e documentos eclesiásticos. Não vemos que o Manual trás muitas citações?... Continuemos a enriquecê-lo!

Outro estudo futuro no Manual: com os escritos do Fundador, anotar, onde cabem, os seus comentários, ensinamentos e diretrizes.

Que nos congreguemos; que nossos estudos sejam articulados, comunicados, aprofundados, uns com os outros. Sejam postos por escrito e postos em prática. Que outras gerações legionárias herdem estudos e dêem seqüência. A partir de hoje, combinemos tarefas concretas de estudos por escrito nesse programa para enriquecer a Legião no mundo inteiro.

Tudo isso é possível, até sem edições em livros e revistas: há a internet, há o site www.legiomariae.com, que chega a todo o mundo. Se no momento a maioria dos legionários nem sabe o que estas palavras significam, em poucos anos, pouquíssimos anos, todos, queiram ou não, estarão vinculados à internet. Basta o exemplo de que o imposto de renda já quase todo ele é feito pela internet. Não há como ignorar, não há como fugir.

Não somos intelectuais, de muitos textos. Nossos estudos visam à santificação, ao apostolado, à vida católica. Isso ocorre naturalmente no Praesidium. A fidelidade ao sistema legionário garante nosso caminho. “O estudo seja empreendido mais como devoção!” “O entrelaçar das mãos com Maria” e isso fez realmente Frank Duff. Tinha na sua mesa onde lia e escrevia uma imagenzinha de Nossa Senhora. Ele a colocava mesmo em cima dos papéis e ali trabalhava. Trabalho de estudo, verdadeira oração com sua Rainha e Mãe...

A técnica, o método, o computador não nos matem a devoção, a familiaridade, a proximidade com Nossa Senhora.

Gostaria de receber sugestões sobre o tema acima.

E-mail  regiadebrasilia@legiomariae.com